do que acelera o coração e para o tempo

347
masao yamamoto – 673

Mesmo que ao redor exista uma avenida

Mesmo que nos carros a cidade siga ao sim do funk

passeio reconhecendo seu rosto

a gente se escosta

universo familiar

a bola rola na quadra ao fundo da praça

deixamos o mundo existir

A noite
sozinha
tento parar o tempo
jogo,
e o tempo,
chato, o tempo não para, só passa

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s