o amor é um buraco negro

ondas gravitacionais

 

“É o que aconteceu com dois buracos negros, de uma galáxia muito distante, que se fundiram há 1,3 bilhão de anos. Como se estivessem em uma dança, eles orbitavam um em torno do outro, se movendo aproximadamente a metade da velocidade da luz, sempre encurtando suas distâncias.”

Nexo jornal explicando a importância dos cientistas terem detectado pela primeira vez as ondas gravitacionais.

Troca “dois buracos negros” por pessoas e vê se não é uma boa definição de amor.

Advertisements

Deixa encostar

Quando perceber a solidão infinita que é existir

vire o universo de ponta cabeça

deixe a solidão encostar.

Você não está mais sozinho,

está com ela a te fazer companhia.

4ffeb702b74adad6175b14821bcc3b78