da beleza e do açougue

Há muito tempo minha irmã voltou de uma temporada morando nos EUA. Como 90% das pessoas que viajam para lá, alguns cold stones, cookies and burguers depois, são alguns vários quilos a mais aqui e ali no corpo dela.

A namorada do meu pai na época sugeriu que ela conversasse com um cirurgião plástico e lá fui eu acompanhá-la.

Chegamos a consulta. Após a conversa onde ele catequiza por A mais B que não há ginástica ou dieta que resolva, que no fundo só a cirurgia salva, fomos a uma sala onde havia apenas um espelho e uma luz dicróica direcionada em cima de quem ficasse em frente a ele. Minha irmã pediu que eu fosse voluntária na experiência, então tirei a roupa e ele começou a marcar meu corpo onde poderia “corrigir imperfeições” com a cirurgia.

Tira daqui e põe ali, some barriga, sobe a bunda… sabe a gordurinha que te incomoda embaixo do braço? Fica três vezes maior e mais gritante e ele promete resolvê-la de maneira simples, tirando-a fora. Ao final da “sessão rabisco” eu parecia um tabuleiro de Batalha Naval.

Saímos e minha irmã disse “nossa, se depender dele é só puxar a pele da cabeça e fazer um escalpo e entra tudo no lugar.” Rimos muito, ela não levou a idéia a frente mas nunca esqueci a sensação de “nossa, que bosta que eu sou” quando me vi toda marcada em frente ao espelho.

1053

talvez por isso eu tenha curtido tanto esse trabalho que saiu no Design You Trust.

Publicado em maio, “Mask of Perfection” foi premiado pelo Prix de Photographie Paris e repercutiu até no Irã.

Acompanhando o retrato de cada modelo estava a “prescrição” da cirurgia corretiva. No caso da mulher acima:

“Patient: N.J., age 25: Botox injected into the right forehead, to correct the asymmetric eyebrows, and into the crow’s feet, to minimize wrinkles. Rhinoplasty to be performed, to straighten the dorsum of the nose, narrow it and to create a narrower, more defined, nasal tipo. Filler injected into the philtrum and left cheek, to even out depressions.”

Mask of Perfection é fruto da parceria entre o fotografo Marc Erwin Babej e a doutora Maria M. LoTempio, MD, e questiona a diferença entre a beleza natural e as imperfeições vistas pelos cirurgiões na busca por um padrão “perfeito”. Ou nas palavras dele:

“Mask of Perfection focuses on the complex and ambivalent relationship between the beauty we perceive subjectively on the one hand, and the plastic surgeon’s scientific, geometrybased standard of beauty on the other”

Patient: O.L., age 22: Botox injected into the right forehead, to correct the asymmetric brows. Rhinoplasty to be performed, to straighten out the nasal dorsum. Filler injected into the nasolabial folds, right upper lip and philtrum, to correct asymmetry and depressions.

Olhando as fotos (tem mais aqui) senti um imenso alívio pelo médico da história que vivi com minha irmã não ter rabiscado minha cara.

Patient: J.Z., age 20: Filler placed in the nasolabial folds, lips and cheeks, to even out asymmetries. Botox injected into the region between the eyes, to minimize wrinkling. Narrowing of the nose tip and smoothing of the dorsal hump to create a more feminine nose.

Colecionando nuvens

nuvens

Nuvens exercem um fascínio e olhá-las do avião é um tesão que vem da infância, o desejo que nunca será realizado de abrir aquela janela/escotilha e sair caminhando em cima de um tapete branco e fofo, ou elétrico e chumbo, ou um rastro de fumaça que parece um fino véu a brincar de mostra e esconde no céu

20130219181616005

 

20130219185158182

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A idéia de poder fabricar nuvens é excitante. E se além de fabricar nuvens, ainda fosse possível controlá-las?
 

 

 

 

 

3.jpg.CROP.article920-large

Berndnault Smilde é holandês e trabalha principalmente com instalações. Agora também captura nuvens. Em série. São diferentes fotos das Nimbus produzidas e colocadas em ambientes específicos, preparados por ele para recebê-las – o processo de fotografia tem que ser rápido porque a duração da nuvem é curta, como ele conta aqui.

1.jpg.CROP.article920-large 6.jpg.CROP.article920-large

Além das imagens, belas e intrigantes, o trabalho me fez pensar sobre pessoas que vivem com a cabeça nas nuvens …

4.jpg.CROP.article920-large

Brilha muito

Fotos japonesas de vagalumes tiradas em longa exposição:

 

 

Essas fotos são daqui

Hotaru é a palavra japonesa para vagalume, um bichinho super cultuado por eles. Tanto que são vários os sites dedicados ao assunto, como o Tokyo Hotaru.

O fotógrafo Rei Ohara também tem uma sessão de fotos de longa exposição dedicada ao charmoso inseto

 

A equipe do Studio Ghibli produziu uma animação chamada “Grave of the Fireflies”, dirigida por Isao Takahata. É um filme de guerra, pois durante o séc 8 a literatura japonesa dizia que os vagalumes eram a alma dos soldados mortos em campo:

Adoro vagalumes. Vale lembrar que eles só aparecem em lugares de ar limpo, por isso cada vez mais difícil encontrá-los dando sopa por aí. As fotos ficam de inspiração para uma semana brilhante, como a equipe do sensacional Escape into Life recomendou.

 

Eles estão entre nós

Andando de fone de ouvido pela cidade percebo olhares de estranhamento quando não resisto ao que está tocando e solto “aquele passinho de dança” na calçada.  Acontece. Música faz até as pessoas dançarem na rua e um fotógrafo americano também:

Jordan Matter criou o projeto “Dancers Among Us” colocando na rua bailarinos para dançar pela cidade : ” Dançarinos são contadores de histórias (…) eles nos oferecem um olhar profundo sobre arranjos familiares, trazendo a vida o que sentimos mas que somos incapazes de expressar fisicamente.”, diz ele em seu site sobre o fundamento do projeto ” os dançarinos ficaram ansiosos quando ouviram a idéia e criamos juntos as fotos, com o objetivo de mostrar Manhattan e suas paisagens icônicas. Eles energizaram as situações cotidianas, dançando no meio das pessoas e rejeitando a imagem de uma cidade fria e impessoal (…) eles celebraram o que as pessoas parece ignorar, a luz e a vida dos momentos comuns.”

As imagens são deliciosas:

e nenhum dos dançarinos usou qualquer tipo de trampolim para as fotos.