Para ver em tela cheia: Nicolas Jaar e Sergei Parajanov

Nicolas Jaar, menino prodígio da música eletrônica, newyorker, criou uma trilha original para o filme “The Color of Pomegranates” (as cores das romãs, em tradução livre).

O filme, lançado em 1969 e originalmente falado em armênio, é considerado uma das grandes obras do século XX, dirigido pelo russo Sergei Parajanov, que ao invés de contar a vida do poeta armênio Sayat Nova, transpõe seu universo interno para a tela.

Para ver em tela cheia

 

Advertisements